Márcio cobra informações sobre processo de transição da administração do Mercado Central

Ao fazer uso do Grande Expediente, na sessão ordinária desta quinta-feira, 20, o parlamentar Márcio Martins (PR) solicitou informações da Cooperativa de Permissionários e Locatários do Mercado Central (CoopCentral) sobre o processo de transição da administração do local. O parlamentar também chamou atenção do líder do governo sobre a situação da cultura no município e pediu a sua intervenção junto ao Executivo.

Desde dezembro do ano passado a Associação dos Lojistas do Mercado Central (Almec), que administrou durante 19 anos o equipamento, teve seu contrato rompido pela Secretaria de Turismo sob a alegação de falta de transparência em sua prestação de contas, além de já possuir a outorga vencida. No lugar da Almec, ficou a Cooperativa de Permissionários e Locatários do Mercado Central (CoopCentral).

Márcio cobrou esclarecimentos do processo de transição, pois recebeu denúncias de que o processo não foi transparente e dentro da legalidade. “Precisamos saber qual a procedência da escolha pela Cooperativa e por isso solicitei as informações e a documentação, mas até hoje não obtemos resposta. Nós queremos reunir as informações para avançar na discussão, pois trata-se de um equipamento público e de grande importância para a cidade.”, frisou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s